• Please Wait . . .

Posted by : wagner elias 05 junho 2014

  Fala galera! Dando continuidade à matéria sobre mitologia nacional, vamos abordar aqui alguns títulos que se saíram bem em representar o folclore do nosso país. Como já explanado nas duas primeiras partes, sabemos que é uma raridade encontrar bom material com essa temática e que não seja destinado ao público infanto-juvenil. Mas, de uns tempos pra cá algumas obras têm traçado um caminho promissor no que diz respeito ao tema folclore brasileiro. Selecionei apenas quatro que considerei ser mais relevantes no cenário atual dos quadrinhos nacionais. Existem outras, sim, mas não vou mencionar para não correr o risco de ofender alguém. Então vamos a elas:
Piteco - Ingá 



  Conheça a versão para adultos do personagem Piteco de Maurício de Sousa, adaptado nessa graphic novel pelo talentoso vencedor do Angelo Agostini, o quadrinista e ilustrador Shiko. Na trama o artista paraibano nos presenteia com uma saga repleta de criaturas mitológicas emprestadas do nosso folclore, como o curupira e o boitatá.
  Ingá não é uma HQ exclusivamente folclórica. Seu tema principal é a pré-história do Brasil, tendo como protagonista o homem das cavernas Piteco, personagem criado por Maurício de Sousa. O elemento mitológico surge da necessidade de se representar uma sociedade primitiva com todos os seus traços culturais e sociológicos que a fizessem parecer crível. É como se o autor estivesse contando a origem do povo brasileiro e, portanto, a origem das crendices que hoje povoam o imaginário popular. Assim surgem personagens interessantíssimos que Shiko descreve com ilustrações belíssimas. Sem dúvida, obrigatório na prateleira de qualquer amante da nona arte.

Salomão Ventura - Caçador de Lendas


  Criado por Giorgio Galli, Salomão Ventura é um investigador de casos sobrenaturais. Com boas doses de terror a HQ é um exemplo de como é possível trabalhar o gênero folclore em quadrinhos. Lançado em 2010, o título foi vencedor do primeiro (e único) prêmio Oi Quadrinhos e escolhida como melhor publicação independente no DB Artes de 2011.  A série narra as aventuras de Salomão Ventura, um homem misterioso que investiga casos sobrenaturais. Logo no primeiro capítulo ele enfrenta o Saci, uma criança renascida após ser cruelmente assassinada pelo padrasto. Com um ódio incontrolável e um senso de justiça deturpado o garoto volta ao mundo dos vivos na figura de um terrível ser que protege crianças maltratadas e injustiçadas, exercendo sua justiça da forma mais cruel possível. A narrativa é por vezes lenta por conta da quantidade excessiva de texto que chega a ser desnecessário ao descrever cenas visualmente auto-explicativas, mas em outros momentos parece meio truncada, com soluções rápidas e mal explicadas. A despeito disso, no geral a história é agradável de ler e vai evoluindo após o segundo número, com personagens mitológicos muito bem representados e uma arte elogiável.
  A terceira edição de Salomão Ventura foi lançada no ano passado graças ao financiamento coletivo do Catarse e uma 4ª já está engatilhada, porém sem previsão de lançamento. Se você quiser tirar a prova, pode ler o primeiro e o segundo número inteiramente DE GRÁTIS no Quadrinhopole.

Mitologias

  Ulisses Teixeira e Luiz Augusto de Sousa criaram um universo complexo e legítimo habitado por seres mitológicos genuinamente brasileiros. A premissa básica da história me lembrou muito a série da Vertigo de título similar, Fábulas. Não sei se houve algum tipo de inspiração aí, mas eu arriscaria classificar Mitologias como uma versão brasileira de Fábulas, embora isso não tire o mérito da série.
  A história tem início com o jovem nerd Tárcio, que após assistir a uma entrevista de dois quadrinistas famosos na FLIP, na cidade de Paraty, acaba ficando sem transporte pra voltar pra casa, sendo obrigado então a recorrer ao esquisito e misterioso Luiz Pinga em busca de ajuda. Társio aceita a missão de assassinar uma pessoa em troca de favores e assim, acaba se envolvendo em uma longa aventura sobrenatural.  A arte do Augusto bem que poderia melhorar, embora o traço sujo e meio grotesco ajude na composição do clima sinistro do título. A narrativa também é boa, apesar de algumas composições de página confusas forçando o uso de setas para direcionar o sentido de leitura, recurso que torna a leitura no mínimo desconfortável.
  Assim como O caçador de lendas já mencionado, Mitologias está disponível para leitura online gratuita. Acesse o site oficial e confira.

Coema Caci

  Um dos melhores títulos com temática folclórica que já tive a oportunidade de ler até hoje. Totalmente produzida pelo quadrinista, ilustrador e animador mineiro, Samuel Marcelino, a HQ interpreta relatos de personagens históricos reais, porém com uma abordagem fantástica em um universo muito bem abastecido de lendas e mitos do nosso folclore. O primeiro arco narra a saga de Tronco Branco (sem trocadilhos, seus despudorados), um tupinambá que foi renegado pelo seu próprio povo por ter nascido com uma peculiar pele clara e cabelos loiros. A narrativa é excelente, apesar de ser quase predominantemente textual, o que não interfere na qualidade da obra, mas incomoda um pouco pelo excesso de leitura (aliás, esse estilo de narrativa está presente em todas as obras citadas acima, o que inclusive é comum em HQs nacionais).
  Lançada no FIQ do ano passado, a edição impressa foi financiada pelos recursos do próprio autor que caprichou na qualidade gráfica e já disponibilizou para venda online por apenas 10 moedas de um real. Ou você pode ler online no blog.

Então é isso aí galera. Mitologia nacional não é bicho de sete cabeças, quer dizer, pode ser que seja, mas quem disse que isso é ruim?
Pra terminar, uma informação super relevante:
Cheguei do trabalho na terça e minha mulher tava assistindo a novela das sete. Foi então que me deparei com a seguinte cena:
Oh, moço, se chegarem as novas revistinhas de MANGÁ coreano, principalmente aquelas com brinde, sabe... o senhor guarda pra mim por favor?


É a Senhora Réde Globo que, como sempre, em seu movimento retrógrado, em vez de incentivar...dzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz

Leave a Reply

Subscribe to Posts | Subscribe to Comments

Bem Vindo

Divisão 5

Divisão 5
Compre agora

Leia

Parceiros

O que rola no Catarse

Quantas pessoas perderam tempo acessando essa página

Gostei

Seguidores

Muita gente viu isso aqui:

Tecnologia do Blogger.

- Copyright © Gibitales -Robotic Notes- Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -